Meu Carrinho
0

A Guerra é Nossa: a Inglaterra não provocou a Guerra do Paraguai

1 avaliação
R$ 55,00 em 1X de R$ 55,00 (Sem Juros)
Parcelas e formas de pagamento
MasterCard
1 x R$ 55,00 (Sem Juros) Total Parcelado: R$ 55,00
Visa
1 x R$ 55,00 (Sem Juros) Total Parcelado: R$ 55,00
Amex
1 x R$ 55,00 (Sem Juros) Total Parcelado: R$ 55,00
Elo
1 x R$ 55,00 (Sem Juros) Total Parcelado: R$ 55,00

Gostaria de receber notificação quando este produto estiver disponível?

Calcular frete e prazo
Entrega Frete Prazo
Digite um CEP e clique no botão OK.
ISBN: 978-85-7244-734-8
Formato: 16 x 23 cm
Lombada:  0,7 cm
Peso: 0,276 kg
Acabamento: Brochura
N. de páginas: 176
Assunto:  História


Leia um trecho

A Guerra do Paraguai foi o maior conflito armado entre países da América do Sul. Na segunda metade do século XIX, Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai envolveram-se em um embate longo e sangrento. Uma das principais teses a respeito da origem do conflito alega que o imperialismo inglês foi o responsável pela guerra. Teríamos sido bonecos manipulados pela grande potência britânica. Lançada por um historiador argentino e repetida cansativamente por manuais e livros de divulgação, a ideia dos maquiavélicos ingleses e dos inocentes latino-americanos parece uma verdade indiscutível. Mas não é. Em A Guerra é nossa o historiador Alfredo da Mota Menezes, doutor em História da América Latina e especialista no tema, constrói uma narrativa que explica, por outro ângulo, quais, afinal, foram os motivos que desencadearam os combates. Para isso, o pesquisador se vale de dados e informações documentais que revelam, de modo incontestável, os conflitos internos dos quatro países envolvidos, que explicam as motivações locais do conflito. Livro corajoso, destinado a reescrever importante página da nossa história.

Darks Kehrle Junior
trabalho sério

Durante a leitura do livro, à medida que o conteúdo das cartas e dos documentos diplomáticos da época são revelados, o leitor viaja entre as principais capitais dos países envolvidos, acompanhando as discussões nos bastidores. É desta forma sistemática que o autor destrói um dos maiores mitos que já foram criados sobre a história da América Latina. E mostra que um trabalho sério de história deve ser baseado em fontes confiáveis, isentas de ideologias e de preconceitos.


A Guerra é Nossa: a Inglaterra não provocou a Guerra do Paraguai

R$ 55,00

Receba nossa Newsletter

Receba ofertas e novidades exclusivas.
Editora Contexto
-
Rua Doutor José Elias, 520, Alto da Lapa | 05083-030-São Paulo-SP | CNPJ: 57.105.736/0001-41